Trabalho remoto após o confinamento: o que vem por aí?

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on tumblr
Share on reddit
Share on telegram
Share on whatsapp
macro photography of cappuccino in mug on a table napkin
Trabalho remoto após o confinamento: o que vem por aí?
Photo by Daniele Levis on Unsplash

Após o confinamento em que o trabalho remoto se sagrou como a melhor saída para muitos profissionais e empresas, as atividades externas devem recomeçar em algumas cidades, a exemplo de São Paulo. 

Como você imagina que esse período de isolamento social influenciará esse retorno? 

Por algum tempo, experimentamos sensações conflitantes: 

O alívio de se livrar dos congestionamentos e seus atrasos versus a solidão quase que insuportável do home office, ou as tentativas de se equilibrar em meio ao caos familiar

Trabalho remoto após o confinamento: o que vem por aí?
Photo by Edu Lauton on Unsplash

Home Office: grandes vantagens

É verdade que muitos empresários viram nessa experiência grandes vantagens, como a possibilidade de redução de espaços físicos, diminuição dos custos com deslocamentos, e um possível aumento da assiduidade e pontualidade dos colaboradores em até 100%!   Afinal, seria difícil arrumar uma desculpa para um “atraso” ou o argumento que não teria com quem deixar os filhos, sem sair de casa.

Teoricamente, a falta de estresse do trânsito e o cansaço despendido no tempo de locomoção deveriam ser substituídos por mais energia, proatividade e disposição.

Alguns entusiastas do trabalho à distância já comemoram uma importante vitória sobre o legado de 100 anos da cultura fabril (que norteou a instalação de parques industriais e desenhou a forma de trabalho dos escritórios convencionais).

Trabalho remoto após o confinamento: o que vem por aí?
Photo by Gabriel Porras on Unsplash

É hora de trocar definitivamente o desktop do escritório  pela mesa da sua casa?

Estamos vivendo um momento completamente atípico e esperamos que isso acabe logo.

Há muito o que se analisar e o curto período de tempo dado a essa massiva experiência não pode servir para tomadas de decisões, que podem impactar os negócios a médio e longo prazo.

Calma lá, evite julgamentos precipitados ! Como cita a Fernanda Mourão em seu artigo no Linkedin, é necessário ponderar.

Antes de decisões definitivas pode ser necessário vivenciar por mais tempo novas alternativas, para então estabelecer futuras políticas de funcionamento. 

  • Qual seria o rendimento do trabalho à distância após 6 meses ou um ano?
  • Os colaboradores ficariam satisfeitos com essas mudanças a longo prazo? 
  • Hoje eles estão confortáveis trabalhando em seus lares? 
  • Como essa experiência tem impactados as famílias?
  • Qual seria o tempo ideal para que cada um trocasse o desktop do escritório pela mesa de sua casa?
  • Qual outras alternativas poderiam existir?
man and woman sitting outdoors
Trabalho remoto após o confinamento: o que vem por aí?
Photo by Annie Spratt on Unsplash

Trabalho remoto não é só Home office!

Entendemos que muitas pessoas, quando saírem para regressar à sua rotina tradicional, vão estar assustadas, desconfiadas e temerosas.

Por dois meses, vivemos todos dentro de uma bolha e não sabemos se aquilo do qual tentamos nos proteger estará (ou não) nos esperando no próximo corrimão ou botão de elevador.

Mas, por outro lado, se produzir para sair de casa, mudar de ambiente e ver pessoas pode ser um tônico para nossa alma e alimento para nossa produtividade.

É hora de lembrar que trabalho remoto não se faz só em casa!

O home office é uma das possibilidades, mas há muitos lugares em que é possível trabalhar e manter a distância segura, em ambientes arejados e limpos. E de quebra, seu pet pode até lhe acompanhar, por exemplo.

No www.outoo.com.br você encontra várias sugestoes de locais que podem substituir seu home office. 

Além de facilitar as buscas, o app conta com informações sobre a infraestrutura do local, que aparecem listadas como “Facilidades” logo abaixo da apresentação de cada sugestão, com as informações mais relevantes, como por exemplo: 

  •  Acesso Gratuito
  •  Espaço para Animais
  •  Ar Condicionado
  •  Área Externa
  •  Bom para Grupos
  •  Espaço Lounge
  •  Luz Natural
  •  Tem Café
  •  Tem Comida
  •  Tem Sucos
  •  Wifi

Com o  app.outoo.com.br  você também tem acesso ao serviço de reservas, informações de locações disponíveis e link para o site do estabelecimento parceiro, caso você tenha outras dúvidas.

Trabalho remoto após o confinamento: o que vem por aí?
Photo by Diego PH on Unsplash

Sol de Outono e o Trabalho remoto após o confinamento

Se é hora de encarar a vida lá fora, respira fundo e saia da toca!

Sua empresa está propondo um retorno às velhas práticas ou quer que você continue trabalhando remotamente?

Seja qual for a escolha de vocês,  não esqueça de olhar para o céu e contemplar esse lindo manto azul que se torna dourado ao entardecer.

E se nem o primeiro ou segundo lugar for o ideal para oxigenar a sua mente, lembre-se que no Outoo estão os melhores terceiros lugares da vida! 

Conte com a gente, e bom retorno!

18 Replies to “Trabalho remoto após o confinamento: o que vem por aí?”

  1. Bonjour, toujours super de voir d’autres personnes à travers le monde du trou dans ma recherche, j’apprécie vraiment le temps qu’il aurait fallu pour créer cet article génial. À votre santé
    Darla Logan Garlinda

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *