Oportunidade de negócios na crise: é possível enxergar além dos problemas?

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on tumblr
Share on reddit
Share on telegram
Share on whatsapp
men's black polo shirt
Oportunidade de negócios na crise: é possível enxergar além dos problemas?
Photo by Joel Mott on Unsplash

De tempos em tempos o mundo mergulha na escuridão do medo trazido por uma crise que parece não ter fim.

É como se de repente uma tempestade se armasse bem acima de nossa cabeça, e as nuvens pesadas cobrissem o sol da esperança. Muitos se desesperam complicando e aumentando o tempo da crise pessoal, emocional e financeira em que mergulharam. Entretanto, outros conseguem olhar para esse horizonte de  incertezas e enxergar além dos problemas, elas “pescam” oportunidades

Esses indivíduos, com um pensamento antifrágil, domam seus medos e se concentram em buscar saídas, caminhando em direção de algo muito maior que uma solução para aliviar o sofrimento momentâneo. Com a consciência treinada pelo mindfulness para se manter no presente e construir um futuro incrível, essas pessoas renascem das cinzas.

person lighting match on top of map
Oportunidade de negócios na crise: é possível enxergar além dos problemas?
Photo by Simon Migaj on Unsplash

5 oportunidades de negócios que nasceram em tempos de crise   (e prosperaram)

Selecionamos cinco histórias de negócios que nasceram em um momento caótico e que ainda hoje são praticamente indispensáveis em nossa vida.

Esperamos que essas histórias possam inspirar você, ou pelo menos, lembrar que um dia tudo que é ruim termina! 😉

  1.  Adoçando a vida com NUTELLA!

Os italianos são um povo criativo, alegre e empreendedor. Não nos surpreenderiam se depois de um vendaval chamado Corona eles venham a nos brindar com coisas fantásticas, tornando a vida muito mais bela e saborosa.

No pós-segunda guerra, na metade do século XX, a Itália se encontrava devastada e doces com chocolate era um sonho praticamente impossível de se realizar. Simplesmente o cacau desapareceu das prateleiras e o valor desse ingrediente disparou. Chamado pelos Aztecas,  no início da colonização da América Central, de tchocolatl e rebatizado pelo biólogo sueco Carlos Lineu com o nome de Theobroma cacao, que em grego significa Alimento Divino, tornou-o quase proibitivo nas receitas.  

Mas, Pietro Ferrero, um confeiteiro da região de Piemonte não se deu por vencido e testou algumas possibilidades, até que seus olhos brilharam ao provar um creme que ele criou a base de avelãs e açúcar, com apenas uma pitada do “Alimento Divino”.

baked cake
Oportunidade de negócios na crise: é possível enxergar além dos problemas?
Photo by Fran . on Unsplash

Ele passou a utilizá-lo como recheio de bolos, mas os clientes dessa região fizeram o negócio se expandir até transformar esse néctar dos Deuses em uma vedete que atravessou fronteiras e seduziu o mundo todo. As cifras bilionárias do lucro dessa empresa continuam a adoçar a vida dos descendentes e acionistas da empresa Ferrero.

  1. Brincando de banqueiro com MONOPOLY (BANCO IMOBILIÁRIO)

 Em 1929, a quebra da bolsa de valores dos Estados Unidos, foi sem dúvida, um dos acontecimentos mais dolorosos do século passado. A especulação e uma rentabilidade fácil e artificial criaram uma bolha de consumo e produção que, quando estourou, fez o dinheiro sumir. Muitas pessoas se suicidaram e o sonho americano se viu mergulhado numa depressão que parecia nunca mais acabar. E arrastava todos os países que tinham relação com os EUA para um buraco aparentemente infinito. Foi nessa época que os barões, que desfilavam em luxuosos carros na Avenida Paulista, foram arrastados para a ruína e Getúlio Vargas mandou queimar muitas sacas do produto que levava o nome do Brasil para o estrangeiro, o café.

water droplets on spider web in grayscale photography
Oportunidade de negócios na crise: é possível enxergar além dos problemas?
Photo by Karim MANJRA on Unsplash

Mas, se o cotidiano daqueles dias estava beirando o insuportável, era a hora de sonhar. Então, se o desempregado Charles B. Darrow não podia investir em imóveis, terrenos nem fábricas na vida real, por que não experimentar a sensação tão revigorante proporciona pelo poder de construir um patrimônio longe dos tentáculos das crises?

Foi assim que nasceu o jogo campeão de vendas no mundo, o Monopoly, que nós, brasileiros, conhecemos como ”Banco Imobiliário”.

Evidentemente, Charles passou da fantasia para a realidade, no que diz respeito aos prazeres que os investimentos podem nos dar. 

  1. Parem a crise, tragam-me um  (NES)CAFÉ! 

Em 1930, enquanto milhares de sacas de café eram torradas, não para consumo, mas por assepsia, já que estavam apodrecendo, Getúlio Vargas tentava encontrar uma solução. Para que os maiores produtores (do planeta) desse grão não terminassem por arrastar ainda mais toda a economia brasileira através do ralo, ele fez um pedido para a Nestlé.

shallow focus photography of coffee beans in sack
Oportunidade de negócios na crise: é possível enxergar além dos problemas?
Photo by Tina Guina on Unsplash

Era necessário encontrar uma forma de utilizar o mesmo processo de fabricação do leite em pó, e fazer uma fórmula de café mais durável.  Sim! Foram os brasileiros que inspiraram os suíços a inventar essa “moda” de café instantâneo, que foi lançada finalmente em 1938 e hoje, a marca Nescafé é a mais valiosa dessa empresa.

  1. O mundo está pegando fogo? Refresque-se com uma Fanta!

Pouca gente sabe, mas o refrigerante Fanta foi inventado em 1940,  no período pós Segunda Guerra Mundial, na Alemanha!

A fábrica alemã da Coca-Cola se viu em um beco quase sem saída quando, por uma sanção dos Aliados (França, Inglaterra, EUA e URSS), estava proibido o comércio e trânsito de produtos para os países do Eixo (Itália, Alemanha e Japão).

Dessa forma, era impossível atravessar essa fronteira com o xarope que dá origem ao produto da embalagem vermelha. O que fazer, então? 

Fechar a fábrica e amargar prejuízo incalculável? A solução foi desenvolver uma nova bebida a base de restos de maçãs e leite. Assim nasceu a marca Fanta, que significa Fantasieden, ou, o mundo da imaginação, em alemão. 

person pours liquid on jar near orange fruits
Oportunidade de negócios na crise: é possível enxergar além dos problemas?
Photo by Rinck Content Studio on Unsplash

A fórmula passou por muitas modificações, mas foram eles, os italianos(!), criaram a versão com laranja dessa bebida, em 1955, e que faz sucesso até hoje. Atualmente a Fanta tem 92 sabores diferentes, é vendida em 188 países e ostenta o terceiro lugar em vendas no planeta, no ranking da Companhia The Coca-Cola. 

5. Acabando a quarentena,  AIRBNB para compartilhar espaços!

Em 2008, outra bolha estourada nos Estados Unidos, agora do segmento imobiliário, tirou o chão de muita gente. Era mais uma recessão global e, dessa vez, tínhamos tecnologias novas, caminhos inusitados abertos pelas mídias sociais digitais e um novo conceito para o termo “compartilhar”.

Sem dinheiro para pagar o aluguel de onde moravam em São Francisco, Califórnia, Brian, Joe e Nathan decidiram alugar os cômodos do apartamento deles, a sala, cozinha e quarto dos fundos, colocaram um colchão inflável e em apenas uma noite montaram uma plataforma para testar se funcionaria.

Se não havia dinheiro, era hora de explorar os espaços úteis que se podiam alugar, de pessoas para pessoas, criando um mercado comunitário e ajudando a reanimar a economia.

O Airbnb se tornou uma das principais plataformas de hospedagens no mundo. Hoje estão presente em mais de 30 mil cidades e 192 países, oferecendo de espaços convencionais á iglus, casas em árvore, barcos, etc.

person holding black iphone 4
Oportunidade de negócios na crise: é possível enxergar além dos problemas?
Photo by Tom Verdoot on Unsplash

Assim que tudo entrar na normalidade, pense nos espaços de seu escritório ou outros que possam gerar receita e converse com a Fernanda Mourão, para desenvolver um hackable workspace que ajude a recuperar o tempo parado.

Provavelmente essa gigante do sharing economy, a Airbnb fará investimentos ainda mais agressivos e aumentar suas receitas, e você poderá se beneficiar disso.

Enxergar além dos problemas, é possível?

Imagine o dilema de um doceiro sem chocolate em um país destruído, de um barão sem café, de um sonhador sem teto, de um fabricante de refrigerante sem matéria prima, e de um proprietário com  quartos vazios…

person in blue knit cap holding clear glass tube
Oportunidade de negócios na crise: é possível enxergar além dos problemas?
Photo by Dimitri Houtteman on Unsplash

Mas, toda crise traz seu antídoto escondido na manga, e para que ela lhe entregue esse tesouro, você precisa:

Manter a calma e olhar além dos problemas, assim como fizeram pessoas comuns que superaram grandes dificuldades, geraram renda e valor, criaram oportunidades e postos de trabalho. E no final, ainda tiveram orgulho de si mesmas.

Você também pode olhar além das barreiras e reescrever sua história com um capítulo em que a prosperidade siga com você de mãos dadas!

 Respirar fundo, controlar os medos, pescar oportunidades, praticar mindfulness, desfrutar da companhia de quem o rodeia,   voltar ao points of you, cultivar o espírito antifrágil e se educar para sentir as melhores emoções, vão tornar tudo mais suportável. 

E quando sua mente estiver distraída, concentrando-se no presente momento,  o seu inconsciente fará brotar uma saída tão óbvia, que vai parecer até engraçado.

Quer apostar? Deixe sua mensagem nos comentários!

Fonte: Estadão – 12/09/2016

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *