Millennials: como se divertir (trabalhar) com a gente

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on tumblr
Share on reddit
Share on telegram
Share on whatsapp

Nós, os Millenials, nascemos perto da virada do milênio, e trouxemos para a realidade corporativa uma nova perspectiva de como deve ser a relação do indivíduo com o trabalho e da empresa com seus colaboradores.

Por isso, cada vez mais, termos como Home Office e Coworking aparecem nas nossas conversas de escritórios.

Se você é um baby boomer e está tendo que lidar com a nossa geração, precisa aprender a conviver conosco. E entendendo melhor nossas prioridades e expectativas, vai tirar o máximo proveito dessa relação.

E não tem volta, agora chegou a nossa vez de ditar o ritmo do espaço corporativo.

Quebrando regras

Muitos de nós são filhos de workaholics e sabem o quanto a separação dos dois “mundos” e o foco apenas no trabalho prejudicou o relacionamento familiar.

Por isso, daqui em diante, trabalho, família e lazer precisam estar balanceados e de preferência, juntos. E, sim! Conseguimos ser produtivos trabalhando em casa, ou em qualquer outro lugar, fora da empresa.

E, de fato, se a questão é qualidade e produtividae, não existe nenhum problema em se divertir no ambiente corporativo, jogando e produzindo ao mesmo tempo.

O foco tem que ser na entrega de valor que se pode fazer.

Convenções, como lugares rígidos de trabalho e horários fixos, não fazem mais muito sentido para nós.

Mais flexíveis com horários e posições (promoções não são atraentes se custam alto para a vida pessoal), podemos jogar tudo para o alto, de uma hora para outra, se as vantagens financeiras representarem uma ameaça à liberdade.

Profissionais mais autênticos

De uma geração que, nasceu convivendo com inovações frequentes, estamos confortáveis para expandir a criatividade e colocar nossas opiniões. Não se pode mais ter medo de ser autêntico!

Buscamos o reconhecimento pelo esforço e seriedade profissional, que podem não ser percebidos, pelos baby boomers, pelas diferenças drásticas de postura, horários, valores pessoais, vestimentas e escolhas de locais de trabalho.

Novamente,  é preciso entender que é a entrega de valor que nos norteiam.

Poder e madrugadas afora

Nossos líderes não nos devem intimidar e sim inspirar – vislumbramos uma relação de confiança, respeito, reciprocidade e autoridade estabelecida pelo conhecimento, não pelo cargo.

Precisamos nos sentir protagonistas das mudanças e o poder para agir com responsabilidade nos motivará a produzir além do combinado, madrugadas afora, com uma disciplina e rigor raramente vistas em outras gerações.

Colaborador e cliente interno

O cliente interno é um conceito criado pelo TQC (Total Quality Control) após a segunda guerra mundial e dizia respeito ao relacionamento de departamentos internos, de uma corporação, como co-dependentes entre si.

Nós, Millenials, ampliamos esse conceito antes que os boomers pudessem ter realmente explorado todas as possibilidades anteriores.

A relação dos jovens colaboradores com a empresa é a mesma que os novos consumidores têm com ela: estão dispostos a investir seu tempo e conhecimento desde que se sintam numa relação custo X benefício positiva e equilibrada. Vivemos de fato como clientes da corporação para qual trabalhamos e somos voltados para buscar experiências novas e gratificantes, procurando novas possibilidades e formas de aplicá-las.

Por essa razão, os planos de carreira longos não nos interessam.

E quando a empresa aprende a lidar com seus clientes internos facilitará alcançar excelência em sua relação com o mercado em geral.

Capacidade de resolver problemas x conhecimento

Para quê se preocupar em aumentar o “armazenamento” de informação em nossos “HD’s”? Não faz muito sentido para nós ficar decorando coisas que podem mudar a qualquer momento e que estão sempre a disposição, para consulta. Em lugar disso, é preferível aprender a resolver de forma criativa os problemas.

A questão importante não é o quanto de conhecimento se tem, mas como esse conhecimento pode ajudar.

Saber como aplicar o que se pode saber com um simples click na Web, aliado à intimidade com a tecnologia, proporciona viver como se soubessemos tudo.

Aprenda com os Millenials, urgentemente!

Se você não é um de nós, saiba que podemos tornar sua gestão e empresa mais atraentes para o mercado.

Dê-nos a liberdade necessária para criarmos o ambiente mais desejável para se trabalhar.

Use ilimitadamente o benefício de se atualizar com quem está mudando efetivamente o mundo.

Experimente você também (se ainda não o fez), trabalhar em regimes diferentes, home office, coworking e nos deixem incumbidos de melhorar as reuniões semanais para que possamos criar novas possibilidades de crescimento do negócio.

Atenção: não é nada fácil atrair, cativar e manter esses novos trabalhadores, quando não se tem a mente aberta para isso.

Se você está sofrendo com essas novas mudanças, pare e ressignifique tudo!

E comece pela primeira lição:

Esqueça de querer saber de nós qual cargo queremos ter daqui a dez anos, pergunte-nos apenas:

– Hei, você está se divertindo aqui?

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *